Cá estou eu

Olááá minha gente!! Postando do Brasil novamente. Cá estou eu de volta!! Desculpem por mais uma vez demorar a escrever. Já tem mais de três semanas que eu estou aqui, e agora que, na verdade, deu pra eu escrever alguma coisa. Essa demora foi devida a diversos fatores: primeiro porque eu ainda estava sem meu computador (longa história), sem internet, sem carro, estava voltando a minha rotina (ainda estou), acabei me candidatando a vaga de diretora do time de intercâmbio para estudantes da AIESEC, enfim…muitas outras coisas que não valem a pena comentar aqui senão o post fica chato.

O importante é: TÔ DE VOLTA!!!

Ainda não sei se isso é bom ou ruim. Voltar pra rotina depois de uma viagem muito louca, muito divertida, muito cheia de experiências e aventuras não é fácil. Sabe quando você se diverte muito numa noite ou no fim de semana e depois quando tudo acaba, você sente um vazio dentro de si? Pois é…é assim que eu ando me sentindo, só que eu não passei uma noite ou um fim de semana fora. Eu passei mais de dois meses fora, então estou preenchendo esse vazio aos poucos.

É difícil voltar e ver que a realidade é outra, que você tem que voltar as suas velhas atividades, que você já não consegue acompanhar uma conversa com os amigos porque não sabe o que se passou. E você olha pra um lado e para o outro a espera que alguém te ponha em órbita novamente, mas são pouquíssimas pessoas que entendem, mas não adianta… “quem saberá a cura do meu coração, se não eu?”.

Bem, mas é assim mesmo. Nada que o tempo não resolva, né?! Já estou bem melhor do que cheguei. Estou com meu computador, continuo sem internet (postando sempre de onde tem rede), continuo sem carro (ai ai minha vida de busão), volto a dar aulas logo e, infelizmente não ganhei a eleição da AIESEC (‘tentar prever serviu pra eu me enganar’).

Acho que se eu repetir várias vezes pra mim que é assim que as coisas são, eu passe a acreditar. Tenho que me convencer.

É assim mesmo que as coisas são?

Beijos =*

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Cá estou eu

  1. Bissu disse:

    Não fique assim!

    As atividades não são velhas, elas só estão desatualizadas. Você é o fator chave para a atualização das mesmas.

    É desse impacto positivo que a AIESEC fala. O quão você pode mudar sua realidade “chata e vazia” em algo mais completo pra você e quem não foi pro intercâmbio.

    Começaste bem refletindo, agora mãos à obra garota!

  2. natty,
    sentindo uma ponta de choque cultural reverso.. heheheh todos dizem que existe mas eu acho que a gente nunca pensa que vai acontecer com a gente heheheh…
    mas, adelante!!!! como diriam os venezuelanos… a vida tem que continuar, você impactou um pouco longe de casa,
    agora aproveite pra impactar na sua propria casa, olha ao seu redor e veja o que vc pode fazer, eu tenho certeza que pode e vai fazer muito
    beijooos
    a gente se ve em breve

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s